Ubuntu: Eu sou porque nós somos.

Ubuntu é uma palavra existente nas línguas zulu e xhosa, faladas na África do Sul, que exprime um conceito moral, uma filosofia, um modo de viver que se opõe ao narcisismo e ao individualismo tão comuns em nossa sociedade capitalista neoliberal. Existe uma história que exemplifica o que é ubuntu: Um antropólogo estava estudando os … Continue lendo Ubuntu: Eu sou porque nós somos.

Consciência Negra: Por quê? Pra quê? É de comer?

Em algum momento da sua vida de usuário de redes sociais você deve ter se deparado com aquele cartaz de dizeres capciosos: “não precisamos de um dia de consciência negra, mas de 365 dias de consciência humana”. Sob um ponto de vista simplista talvez você tenha pensado que aquilo fazia sentido, certo? Ora, uma vez … Continue lendo Consciência Negra: Por quê? Pra quê? É de comer?